AFACEESP - Associação dos funcionários aposentados e pensionistas do Banco Nossa Caixa

(11) 94721-0605

|

0800-175-007

|
Menu

Área Restrita do Associado

Associe-se

Economus anuncia novo reajuste nos planos FEAS
Fique por dentro

Notícias

Economus anuncia novo reajuste nos planos FEAS
14 de setembro de 2021
Última atualização: 16 de setembro de 2021

Economus anuncia novo reajuste nos planos FEAS

Dentre outras medidas encarecedoras, o percentual de custeio de 15,95% implantado em janeiro de 2021, com a promessa de dar sustentabilidade, será aumentado para 22,5% a partir deste mês de setembro.

Advogados da Afaceesp avaliam as medidas anunciadas – Cabe lembrar que já estão ajuizadas ações individuais e coletiva questionando o reajuste implantado em janeiro de 2021 (15,95%), razão pela qual as novas medidas agora anunciadas pelo Economus estão sendo objeto de avaliação.

Lembrete – Sempre que o participante com ação judicial não conseguir arcar com o custeio do plano FEAS, não abandonar sem antes registrar formalmente o motivo junto ao Economus e depois informar o escritório de advocacia.

Comentário Afaceesp – No seu comunicado o Economus justifica como razão importante para o aumento do custeio a necessidade de cobrir o custo dos beneficiados por decisões judiciais. Cabe reiterar a improcedência dessa argumentação, uma vez que caberia ao Economus ter cobrado tempestivamente a responsabilidade do Banco do Brasil por essas condenações. Somente agora, em 2021, com o esgotamento dos recursos do fundo FEAS, tem sido reconhecida publicamente pelo Economus que o Banco é responsável por garantir o cumprimento das referidas decisões. Por intermédio de pedidos feitos em processos com objetivo de ficar desobrigado do pagamento dos custos, o Economus tem reivindicado em juízo: “ (…) requer (o Economus) subsidiariamente que seja revisto o julgado para determinar que o custeio dos planos deve ser realizado pelo beneficiário e pelo Banco do Brasil (sucessor do então empregador dos reclamantes) ou, ainda, somente pelo Banco do Brasil, isentando o Economus de qualquer responsabilidade pelo custeio”.

Ora, é exatamente isso (a responsabilidade do Banco do Brasil) que tanto a Afaceesp como os conselheiros eleitos em suas manifestações no Conselho Deliberativo do Economus estão afirmando há muito tempo. É o Banco!!!

Últimas Notícias

03 de dezembro de 2021

Última atualização: 3 de dezembro de 2021

Atualização – ações coletivas planos FEAS

Ação de 2021 – a sentença de primeira Instância considerou que a matéria não é de competência da Justiça do Trabalho e, assim, não houve manifestação sobre os pedidos principais (participação do BB no custeio das mensalidades). Haverá recurso por parte da Afaceesp.

Ação de 2011 – o Tribunal Regional do Trabalho, reapreciando o mérito dos pedidos, restabeleceu sentença original que condena solidariamente o Banco do Brasil e o Economus ao cumprimento do regulamento original do FEAS. A reapreciação decorreu de decisão do Tribunal Superior do Trabalho que reconheceu a competência da Justiça do Trabalho para julgar o processo de 2011.

17 de novembro de 2021

Última atualização: 3 de dezembro de 2021

Reunião com o Banco do Brasil dia 16 de novembro

Considerando que associados têm consultado sobre os motivos de a Afaceesp não ter participado da reunião supra, cabe esclarecer…

12 de novembro de 2021

Última atualização: 3 de dezembro de 2021

JULGAMENTO DA AÇÃO COLETIVA DO PLANO DE SAÚDE FEAS DE 2011

Informamos que o julgamento do processo nº 0001490-51.2011.5.02.0047 teve início no TRT-SP em 10/11/2021, com dois terços dos votos já favoráveis, no entanto, houve pedido de vistas do terceiro votante.